Sexo de todo jeito é uma delícia, mas se ele pode ser aprimorado fica melhor ainda. Muitas vezes por medo ou por julgamentos prévios acabamos ficando limitados ao lugar comum entre quatro paredes, quando existe todo um universo inexplorado esperando apenas o nosso passo adiante.

Como em qualquer experiência inusitada, os encantos de viver coisas novas debaixo dos lençóis se encontram em descobrir-se e descobrir ao outro.

15 experiências sexuais que você não pode deixar de viverUm caminho repleto de possibilidades e certamente rodeado de muita diversão. Está precisando sentir a vida e o sexo “fora da caixinha”? Nós damos as dicas de 15 experiências sexuais que você não pode deixar de vivenciar, escolha logo a sua:

1. Fazer sexo virtual aproveitando aquela viagem do parceiro (a) a trabalho. Aprender a se virar com a câmera do computador, a cadeira do escritório, as posições nada convencionais e deixar aquele gostinho irresistível de quero mais para quando o outro voltar.

2. Iniciar as preliminares no elevador do prédio depois da balada que é para já chegar no quarto com o fogareiro bem aceso. Vale na escadaria também, caso o elevador seja vigiado por curiosos.

3. Se aventurar pelo sexo anal. Nem que seja para conhecer e descobrir que não curte muito a onda, o interessante é pelo menos se arriscar. É um universo que promete bons momentos de prazer para aqueles que se identificam.

4. Transar no carro pode parecer clichê, mas poucos já fizeram de verdade. Se a ocasião não for propícia para chegar até os “finalmentes” é super válido usar e abusar da mão boba para deixar no ar aquela vontade de ir além no final da noite.

5. Fazer uma rapidinha no horário de almoço. Aquele convite inusitado no meio do dia para uma passada ligeira no motel mais próximo ou, caso o parceiro(a) seja dono do próprio escritório, vale na mesa de reuniões mesmo.

6. Produzir um vídeo de sexo inspirado nos clássicos do cinema pornô. Em tempos de insegurança tecnológica a ideia não é manter o vídeo, mas sim deletá-lo ao final da brincadeira. O que não invalida a experiência, muito menos as boas risadas que surgirão nesse espaço de descobertas.

7. Fazer uma noite temática com direito a decoração, comidas típicas, figurinos a caráter, música adequada e o mais importante: se vestir do personagem por dentro e por fora. O bacana é que hoje em dia é possível encontrar motéis que já possuem suítes personalizadas, o que poupa um pouco do trabalho.

8. Conhecer o sadomasoquismo pode parecer algo extremista para os mais recatados, mas a verdade é que esse meio é tão vasto que você só se arrisca até onde quiser. Para quem não é íntimo do mundo pode começar com vendas, algemas e um chicotinho sedutor para dar uma apimentada na relação.

9. Aprender uma dança sensual para espantar a timidez na cama e esquentar uma noite especial. As possibilidades aqui são tão imensas que você pode escolher a que mais combina com você. Uma lap dance (dança no colo), chair dance (dança na cadeira), pole dance e inúmeras outras.

10. Passear por uma casa de Swing. Ao contrário do que todo mundo pensa as casas de swings são frequentadas por todo tipo de público, inclusive por muitos curiosos. Você só faz aquilo que estiver com vontade e pode ser uma excelente oportunidade para o casal de transar num lugar com uma energia diferente.

11. Começar uma maratona de filmes pornôs faz um bem danado para a relação, pois permite que o casal se descubra na íntegra como verdadeiros parceiros sexuais. Como existem diversas categorias é possível escolher pelo menos um filme de cada e desvendar coisas sobre o prazer a dois que vocês nunca imaginaram.

12. Fazer sexo por telefone é ainda mais desafiador do que um sexo virtual devido à barreira da visão. Quando não se vê o que está acontecendo o prazer dos dois depende basicamente da capacidade de despertar tesão atrás da fala. Um exercício e tanto para o casal!

13. Explorar outros lugares além da cama. A casa da gente possui vários locais passíveis de serem aproveitados, mas que no dia a dia são literalmente esquecidos. O sofá, a bancada da cozinha, o chuveiro, a cadeira do escritório, o tapete da sala, todos lugares muito mais emocionantes do que o arroz com feijão de sempre.

14. Visitar um sex shop e sair de lá com os mais variados brinquedos eróticos que se tem direito. Se a visita for a dois melhor ainda. Quebrem barreiras e experimentem aquelas novidades do mercado erótico que nunca tiveram coragem. Fujam dos géis e fantasias convencionais e se permitam conhecer outras vertentes desse ambiente pra lá de promissor.

Faça sexo com amor. Todo mundo pelo menos uma vez na vida deve vivenciar um “sexo amorzinho” entre quatro paredes. Aquele sem pressa, recheado de beijos, abraços e carícias, com palavras carinhosas e muito olho no olho. Às vezes a vontade de inovar é tanta que nos esquecemos do básico: o amor deixa tudo incomparavelmente mais gostoso.

Um dos problemas dos relacionamentos é cair na mesmice, e com o sexo não é diferente. É por isso que queremos incitar a ousadia, a criatividade e a reinvenção do sexo.